África do Sul recua e aceita jogar novamente contra Senegal - OChute }

África do Sul recua e aceita jogar novamente contra Senegal

por   em Notícias
  • Federação iria entrar com um recurso, mas acabou desistindo e irá jogar novamente a partida em novembro

    Destaque África do Sul recua e aceita jogar novamente contra Senegal Reprodução/Twitter
    Gostou: avalie
    (0 votos)
    Publicidade

    A África do Sul não teve e escolha e revelou que vai jogar novamente contra Senegal, como decidiu a FIFA na semana passada, depois da primeira partida polêmica, onde o árbitro marcou um pênalti imaginário que resultou no seu banimento.

    "Chegamos à conclusão que, tanto no plano ético como moral, não podíamos nos beneficiar de um ato de corrupção. Decidimos assim aceitar a decisão de jogar novamente a partida em data a definir", explicou a federação sul-africana, em nota divulgada nesta terça-feira.

    Na ocasião, a seleção sul-africana havia batido Senegal por 2 a 1 em partida válida pelas eliminatórias para a Copa do Mundo, disputada originalmente em 12 de novembro de 2016.

    No entanto, o duelo só foi vencido por conta de um pênalti assinalado pelo ganês Joseph Lamptey – uma mão na bola totalmente imaginária – ainda no primeiro tempo, quando o placar ainda estava zerado.

    Após a decisão da FIFA na última semana, a Árfrica do Sul, em um primeiro momento, cogitou apresentar recurso contra esta decisão, mas acabou optando por disputar uma nova partida.

    Do outro lado, a decisão da entidade máxima do futebol foi bem vista por Senegal, atualmente terceiro colocado de seu grupo a um ponto de Cabo Verde e Burkina Faso. A seleção dependerá agora apenas de si para garantir a classificação há duas rodadas para o fim das eliminatórias.

    Vale lembrar que somente o primeiro colocado de cada chave na África garantirá classificação à Copa do Mundo da Rússia-2018. A África do Sul é a última do grupo e a perda dos pontos agrava suas chances de classificação.

    Relacionadas