Cruzeiro economiza R$ 17 milhões com saída de Ábila - OChute }

Cruzeiro economiza R$ 17 milhões com saída de Ábila

por   em Notícias
  • Além da dívida de US$ 1,5 milhão (quase R$ 4,7 milhões) com o Huracán, clube mineiro não precisará mais desembolsar US$ 4 milhões (R$ 12,5 milhões) para adquirir 50% dos direitos do jogador

    Destaque Atacante retornará à Argentina Divulgação / Cruzeiro Atacante retornará à Argentina
    Gostou: avalie
    (0 votos)
    Publicidade

    Com a saída de Ramón Ábila, que retornou para o futebol argentino, o Cruzeiro se livrou do pagamento de cerca de US$ 5,5 milhões (R$ 17 milhões na cotação atual) até dezembro.

    Além da dívida de US$ 1,5 milhão (quase R$ 4,7 milhões) com o Huracán pela segunda parcela da contratação do atacante, o clube mineiro não precisará mais desembolsar US$ 4 milhões (R$ 12,5 milhões) para adquirir 50% dos direitos de Ábila até dezembro de 2017. Uma cláusula no contrato de compra do jogador estipulava a aquisição da outra metade dos direitos.

    Com a compra do atacante pelo Boca Juniors, o Huracán permanecerá com 50% dos direitos econômicos, enquanto os xeneizes ficarão com 35% e o Cruzeiro com 15%.

    "Ele não se encaixou e quis ir embora. A maneira que gostávamos de armar nossa equipe privilegiou um centroavante de outra característica. O Cruzeiro investiu bastante nele e os clubes não se permitem terem jogadores de alto investimento e sem utilização, com exceção do Palmeiras e outros times. Nós passamos esse ano com a preocupação de reduzir a folha até para que o clube possa conseguir arcar com as responsabilidades", afirmou o técnico Mano Menezes em entrevista na última quarta-feira.

    Relacionadas