Fluminense derrota o Coritiba e se aproxima do G-6 do Brasileirão - OChute }

Fluminense derrota o Coritiba e se aproxima do G-6 do Brasileirão

por   em Notícias
  • Richarlison e Léo marcaram para o Tricolor das Laranjeiras, enquanto Henrique Almeida, que perdeu um pênalti, descontou para o Coxa, no estádio Couto Pereira

    Destaque Fluminense derrota o Coritiba e se aproxima do G-6 do Brasileirão Nelson Perez/FFC
    Gostou: avalie
    (0 votos)
    Publicidade

    O Fluminense venceu o Coritiba neste domingo (16), por 2 a 1, no Couto Pereira, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Richarlison e Léo marcaram para o Tricolor das Laranjeiras, enquanto Henrique Almeida, que perdeu um pênalti, descontou para o Coxa. O resultado acabou com uma sequência de quatro jogos sem vitória dos cariocas.

    O triunfo fez com que o Flu chegasse aos 20 pontos, na nona colocação. O Coritiba permaneceu com 19 pontos e caiu para o 12º lugar. Na quarta-feira, o Coxa enfrenta a Ponte Preta, às 21h, no Moisés Lucarelli. O Tricolor, por sua vez, recebe o Cruzeiro, na quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), no estádio Giulite Coutinho.

    O jogo

    Em campo com a formação que Abel gostaria de ter utilizado há duas rodadas - com os volantes Marlon Freitas, Wendel e Orejuela, e Scarpa como o terceiro homem de frente -, o Flu tomou um susto logo aos oito minutos, quando o árbitro assinalou pênalti para o Coritiba. O atacante Henrique Almeida, no entanto, isolou a cobrança.

    Depois do lance, a partida seguiu por alguns minutos com superioridade do time da casa, o que foi equilibrado pelo Tricolor na metade da etapa. Com leveza e passes rápidos, o Flu conseguiu abrir o placar logo na primeira chance clara de gol que criou. Aos 32, após ótima trama pela direita, Scarpa cruzou para Richarlison, que, quase da marca do pênalti, girou em cima do marcador e bateu forte de canhota para abrir o placar.

    O Fluminense manteve o mesmo ritmo e ampliou seis minutos depois. Wendel recebeu na meia-lua e serviu Léo, à esquerda da grande área. O lateral-esquerdo não pensou duas vezes e soltou um potente chute cruzado. A bola desviou no zagueiro e entrou no contrapé do goleiro. A vantagem era excelente para o Flu, que começou a ser pressionado pelos donos da casa, dispostos a diminuir ainda no primeiro tempo. O que aconteceu nos acréscimos, com Henrique Almeida.

    Na etapa final o jogo alternou entre bons momentos para o Fluminense e para os donos da casa. A melhor chance tricolor aconteceu aos sete minutos, com Renato. O lateral arriscou de fora da área e viu o chute forte sair à direita do gol de Wilson. Já o Coritiba quase empatou aos 32 minutos, com Alecsandro. Contudo, para o azar dos donos da casa, o goleiro Júlio César, de forma espetacular, defendeu o cabeceio do atacante.

    Relacionadas