FIFA lucrará mais, mas Copas de 2026 e 2030 podem dar dor de cabeça a Infantino - OChute }

FIFA lucrará mais, mas Copas de 2026 e 2030 podem dar dor de cabeça a Infantino

por   em Notícias
  • FIFA vai embolsar uma enorme quantia com a mudança, mas a China pode atrapalhar os planos do dirigente 

    Destaque FIFA lucrará mais, mas Copas de 2026 e 2030 podem dar dor de cabeça a Infantino Reprodução/Twitter
    Gostou: avalie
    (0 votos)
    Publicidade

    A confirmação da ampliação da Copa do Mundo de 32 para 48 seleções vai render cerca de 1 bilhão de dólares a mais para a FIFA. Segundo um estudo divulgado pela a própria entidade na última semana, a FIFA deverá passar a arrecadar com o Mundial cerca de 6,5 bilhões de dólares com venda de direitos de transmissão e patrocínios, além dos ingressos.

    Com o aumento no lucro, a entidade acenou com a possibilidade de pagar a cada federação participante da Copa do Mundo, no mínimo 8 milhões de dólares.

    Em entrevista após a divulgação das mudanças, o presidente da FIFA, Gianni Infantino informou que a escolha da sede de 2026 será feira em maio de 2020. E é justamente a escolha da sede de 2016 e 2030 que tiram o sono do dirigente.

    A China pretende receber a Copa em 2026 ou 2030 e isso pode deixar Infantino em situação delicada já que teria feito uma promessa de campanha de que esses Mundiais ocorram em outros países.

    A FIFA já deixou claro que a competição deve ser realizada em mais de um país, assim como em 2002 quando foi realizada na Coréia do Sul e no Japão. Desta maneira, por conta do rodízio em vigor, o continente americano é o favorito. México, Canadá e EUA negociam uma candidatura conjunta para receber a Copa.

    Para 2030, já existe uma pré-candidatura conjunta de Argentina e Uruguai que pretendem comemorar os 100 anos de Mundoal, repetindo desta maneira a primeira sede de 1930, que foi o Uruguai. Caso seja aprovada a possibilidade de três países realizarem o torneio em conjunto, não descarta a possibilidade de acrescentar outro país da América do Sul, como Chile ou Colômbia.

    Alterado: Quarta, 11 Janeiro 2017 13:18

    Relacionadas