Prandelli pede demissão do Valência três meses após assumir - OChute }

Prandelli pede demissão do Valência três meses após assumir

por   em Notícias

Técnico italiano não conseguiu fazer boa campanha com o Valência e pediu demissão nesta sexta-feira

Destaque Prandelli pede demissão do Valência três meses após assumir Divulgação
Gostou: avalie
(1 Voto)
Publicidade

O Valencia está novamente sem treinador. Três meses após assumir o cargo, Cesare Prandelli pediu demissão nesta sexta-feira à diretoria e agora deve negociar a sua rescisão de contrato.

O técnico italiano deixa o clube em uma situação preocupante no Campeonato Espanhol, na 17ª posição, com a mesma pontuação do Sporting Gijón, primeira equipe na zona de rebaixamento

A decisão do técnico também pode ter sido influenciada após ele ter recebido uma negativa ao pedir a contratação de cinco reforços para tirar a equipe do sufoco. De acordo com os dirigentes, o clube não poderia contratar novos atletas por conta do Fair Play Financeiro imposto pela UEFA.

O Valencia ainda não se pronunciou sobre o pedido de demissão e nem falou se vai aceitá-lo.

Prandelli não teve bom rendimento no comando do Valencia. Em oito partidas no Campeonato Espanhol, conquistou apenas uma vitória, além de ter empatado três vezes e perdido quatro partidas.

O Valencia retorna aos gramados na próxima terça-feira, contra o Celta de Vigo, no Mestalla, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Rei. Pelo Campeonato Espanhol, o primeiro jogo do clube é no dia 9 de janeiro, o adversário será o Osasuna, fora de casa, pelo Campeonato Espanhol.