Huracán cobra Cruzeiro por compra de Ábila - OChute }

Huracán cobra Cruzeiro por compra de Ábila

por   em Notícias

Clube argentino deu prazo de dez dias para que os mineiros cumpram com o combinado, ou a Raposa seria obrigada a exercer a opção de compra total do atacante

Destaque Atacante em ação pela Raposa Divulgação / Cruzeiro Atacante em ação pela Raposa
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

Na última quinta-feira, o Huracán divulgou nota em seu site oficial cobrando do Cruzeiro a segunda parcela do acordo por Ábila. O clube argentino deu prazo de dez dias para que os mineiros cumpram com o combinado, ou a Raposa seria obrigada a exercer a opção de compra total do atacante.

Em junho, o Cruzeiro fez a contratação de Ramón Ábila por US$ 4 milhões (R$ 13,4 milhões, na época) por 50% dos direitos econômicos do jogador. A quantia seria dividida em parcelas.

Segundo a nota emitida pelo Huracán, o Cruzeiro pode sofrer sanções do Estatuto de Transferências de Jogadores da Fifa.

Pelo Cruzeiro, Ábila disputou 29 partidas e marcou 12 gols.

Confira na íntegra a nota do Huracán:

Nesta quinta-feira, 29 de dezembro, o clube e com assinatura do Presidente Nadur, intima o Cruzeiro a transferir a segunda parcela de 50% do passe de Wanchope Ábila.

A partir desta intimação, são 10 dias para que o clube brasileiro cumpra o acordo, caso contrário eles devem pagar a opção de compra total, o custo da opção e os juros correspondentes, sem prejuízo das sanções previstas no Regulamento relativo ao Estatuto e Transferências de Jogadores da FIFA.