Melhor com Zé Ricardo, Vasco deve superar deslizes por vaga no G-7 - OChute }

Melhor com Zé Ricardo, Vasco deve superar deslizes por vaga no G-7

por   em Editorial
  • Time carioca melhorou com novo técnico, mas precisa aproveitar oportunidades por meta da Libertadores. Cruz-maltino chegou ao 10º jogo sem derrota no Brasileirão

    Destaque  Técnico tem bom início de trabalho no Cruz-maltino Divulgação / Vasco da Gama Técnico tem bom início de trabalho no Cruz-maltino
    Gostou: avalie
    (0 votos)
    Publicidade

    Se fora de campo o Vasco vive situação conturbada, com a política do clube em ebulição, dentro de campo o time comandado pelo técnico Zé Ricardo vem em ascenção. Com o empate diante do São Paulo no último domingo, o Cruz-maltino chegou ao 10º jogo sem derrota no Campeonato Brasileiro.

    Foram seis empates e quatro vitórias no período. O crescimento no rendimento da equipe carioca concide com a chegada do novo comandante. Contestado no rival Flamengo, Zé Ricardo vem tendo um bom início de trabalho no Vasco da Gama. O time, que subiu da Série B no ano passado, vem brigando por uma vaga na próxima Copa Libertadores.

    O time da Colina vem se portando bem nas partidas, com mais confiança e volume de jogo. Apesar de alguns tropeços, parece mais maduro e pronto para a disputa na parte de cima da tabela do nacional.

    "Não fiquei satisfeito com o resultado, mas com a recuperação da equipe, com a produção do segundo tempo. Acredito que tenhamos produzido o suficiente para vencer a partida. Mas sempre caminhando para a frente, não conseguimos dar um passo maior, mas quarta-feira contra o Atlético vamos fazer melhor", projetou o técnico.

    Segundo o treinador, o clube precisa vencer a ansiedade nas próximas quatro rodadas para conseguir uma vaga no G-7 do Brasileirão. "Enfrentamos uma grande equipe, primeiro tempo um pouco ansiosos demais, não conseguimos produzir muita coisa tecnicamente. Equipe não desistiu, buscou a vitória até o final. Teve oportunidades para virar a partida. Talvez um pouco de ansiedade novamente para finalizar. Mas nosso time tem muitos meninos. Ansiedade faz parte", disse Zé Ricardo.

    "A sinergia tem que ser uma via de mão dupla. A equipe também tem que fazer por onde para a torcida apoiar. No primeiro tempo a torcida talvez tenha percebido o mesmo que eu. Não conseguimos fazer um jogo dentro daquilo que esperávamos. Não estivemos bem tecnicamente", completou o treinador vascaíno.

    Mesmo com a rodada a favor, o empate em São Januário deixou os cariocas estacionados no mesmo lugar na tabela. Restando quatro rodadas para o fim do nacional, o Vasco da Gama precisa aproveitar as oportunidades para alçar voos maiores, dignos de sua gloriosa história.

    Relacionadas