Inter estuda usar tapetão contra o Vitória para fugir da degola }

Inter estuda usar tapetão contra o Vitória para fugir da degola

por   em Notícias

O zagueiro Victor Ramos teria sido escalado de maneira irregular no Campeonato Brasileiro, de acordo com a tese do clube colorado

Destaque Inter estuda usar tapetão contra o Vitória para fugir da degola Francisco Galvão/EC Vitória
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

A exemplo do que aconteceu em 2013, quando a Portuguesa foi rebaixada e o Fluminense se salvou do rebaixamento através de uma manobra no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o Campeonato Brasileiro deste ano poderá ter os seus quatro times da zona do rebaixamento decididos na base do tapetão. Com o risco iminente de jogar a Série B em 2017, o Inter está estudando a possibilidade de apresentar uma denúncia contra o Vitória por uma possível irregularidade do zagueiro Victor Ramos.

Com América-MG, Santa Cruz e Figueirense já rebaixados, a última vaga no Z-4 deste ano está sendo disputada por Vitória e Inter. Os baianos têm três pontos a mais que os gaúchos. Assim, já na próxima rodada, o clube colorado poderá garantir seu lugar na degola, caso o Leão o vença o Coritiba no Paraná e o Inter não derrote o Cruzeiro, no Beira-Rio.

A irregularidade de Victor Ramos no campeonato estaria ligada a sua transferência para o Vitória depois do final de seu empréstimo para o Palmeiras, em dezembro de 2015. Os direitos econômicos do zagueiro pertencem ao Monterrey, do México, no entanto, após a sua saída do Verdão, a sua ida ao Leão Baiano não seguiu as regras do sistema TMS – Transfer Market System, ou Sistema de Mercado de Transferências.

O sistema mostra que a transferência de Victor Ramos foi do Palmeiras direto para o Vitória, quando o procedimento padrão deveria ser feito pelos mexicanos. O vínculo do zagueiro com os paulistas se encerrou no dia 31 de dezembro de 2015, não teve registro de retorno ao Monterrey durante o mês de janeiro, e se iniciou com o Vitória em 1º de fevereiro de 2016. A presença do Palmeiras nos sistemas da Fifa caracteriza a transferência direta entre os brasileiros.

Apesar de estar envolvido no caso, o Verdão não corre qualquer risco de ser acusado de irregularidade. Uma vez que o contrato do jogador acabou, o clube não está envolvido ativamente em nenhum trâmite.

Oficialmente, o Inter não comenta o caso. Porém, a denúncia também interessa a outros clubes brasileiros. O Bahia já entrou com uma denúncia sobre esse mesmo caso em abril desse ano, durante o campeonato baiano, vencido pelo Vitória. À época, a Federação Baiana se isentou de qualquer responsabilidade, deixando o caso nas mãos da CBF.

Se a denúncia for feita pelo Inter e acatada pelo STJD, o Vitória seria enquadrado no artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê perda de três pontos por partida em que o atleta jogou. Como Victor Ramos atuou em 24 jogos pelo time baiano até a 36ª rodada, sua presença acarretaria 72 pontos a serem perdidos pelo Leão.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook