Ricardo Gomes coloca cargo no São Paulo nas mãos de Leco }

Ricardo Gomes coloca cargo no São Paulo nas mãos de Leco

por   em Notícias

"É o presidente quem vai decidir a vida de todo mundo", disse o treinador após empate com o Grêmio, no Morumbi

Destaque Ricardo Gomes coloca cargo no São Paulo nas mãos de Leco Rubens Chiri/São Paulo FC
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

O empate do São Paulo diante do Grêmio, no Morumbi, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi muito lamentado pelo técnico Ricardo Gomes, na coletiva de imprensa concedida logo após o jogo. De acordo com o treinador, o rendimento do Tricolor na primeira etapa merecia um resultado melhor.

"Iniciamos bem o segundo tempo depois de dominar o primeiro, mas caímos muito com o gol deles. Perdemos a fluência, o Thiago e não nos encontramos. Merecíamos um placar melhor no primeiro tempo e fomos castigados por uma bola. Foi muito triste pelo que mostramos no começo, emplacando três tempos bons seguidos, somando com os do Corinthians", analisou na entrevista coletiva.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 46 pontos e ficou distante dos times que brigam por vaga na Copa Libertadores do ano que vem. O atual sexto colocado é o Atlético-PR, que tem 52, faltando apenas três jogos para o final do Brasileirão. Assim, Ricardo admitiu que a vaga na competição continental ficou distante.

"O ano foi difícil, venho falando desde minha chegada, da queda pós-Libertadores que nos deixou em situação muito complicada. Jogo a jogo nos recuperamos e vamos seguir assim. Melhoramos a qualidade do nosso jogo, agora é ir atrás de resultados. A goleada sobre o Corinthians deu esperança, mas era muito difícil [vaga na Libertadores], dependia muito dos outros perderem pontos e rendimento. E isso não está acontecendo. Entre nós, priorizamos melhorar a qualidade de jogo e isso aconteceu", afirmou o treinador.

Ao ser questionado sobre o seu futuro no São Paulo, Ricardo Gomes foi político e deixou a decisão para o presidente Leco.

"Vocês sabem que meu contrato não tem prazo. O São Paulo tem jogadores que podem render muito mais, recebemos reforços já neste ano e agora o Marco (Aurélio Cunha) e o Renê (Weber) vão tocar mais contratações. Minha ideia é seguir com a busca por uma melhor qualidade de jogo. É o presidente quem vai decidir a vida de todo mundo. Hoje, sinceramente, penso no próximo jogo e em terminar o campeonato bem em resultados e qualidade de jogo", disse.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook