Marco Aurélio prega paciência por contratações do São Paulo }

Marco Aurélio prega paciência por contratações do São Paulo

por   em Notícias

"Muitas coisas são analisadas, não é só ir na feira e colocar no carrinho”, disse o diretor-executivo do clube do Morumbi

Destaque Marco Aurélio prega paciência por contratações do São Paulo Divulgação/São Paulo FC
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

O São Paulo conseguiu golear o Corinthians por 4 a 0, no sábado (5), e afastar o risco do rebaixamento quase por completo. Deste modo, a diretoria do clube do Morumbi foca cada vez mais no planejamento para 2017. Com a missão de avaliar as instalações oferecidas para o Torneio da Flórida, competição de pré-temporada em janeiro, o diretor-executivo Marco Aurélio Cunha vai aos estados unidos nesta segunda-feira (7).

O dirigente também continua fazendo o planejamento do elenco da próxima temporada. Com o objetivo de trazer poucos atletas, mas que sejam protagonistas, ele vê o rival Palmeiras como uma exceção no mercado, uma vez que conta com o dinheiro do presidente Paulo Nobre.

“É muito difícil falar de contratação porque todos estão fechados, guardando o baralho. Ninguém apresenta. Sabemos o caminho dos times tentando se reforçar. Há leilão de alguns jogadores. No mercado, ninguém tem dinheiro, essa é a verdade. Exceção talvez é o Palmeiras, por conta do seu presidente, que aliás cumprimento pelo que tem feito de bom ao futebol. Precisa ter paciência para contratar bem e não errar. Nem contratar por ímpeto”, disse Marco Aurélio.

Antes de acertar com o Palmeiras, o atacante Keno foi oferecido ao São Paulo. No entanto, o clube do Morumbi considerou altos os valores e salários, comissão de agentes e compra dos diretos econômicos acertados pelo rival.
Dentre os nomes de ataque que estão sendo observados pelo São Paulo estão: Wellington Nem, do Shakhtar Donetsk, Nilmar, do Al-Nasr, Willian, do Cruzeiro, Sassá, do Botafogo, e Rafael Marques, do Palmeiras.

Pregando paciência como a melhor forma de conseguir fechar com bons valores, Marco Aurélio citou os insistentes pedidos da torcida tricolor pela contratação de Jesús Dátolo, do Atlético-MG. O argentino foi descartado pelo Tricolor pela alta remuneração e condição física aquém do desejado e logo depois de ter sido recusado voltou a se lesionar no Galo.

Os principais desejos do Tricolor Paulista neste período de contratações são: um camisa 9 e um camisa 10 de peso. Além disso, o clube tem o interesse em manter o lateral-esquerdo Mena, emprestado pelo Cruzeiro, e o atacante Kelvin, cedido pelo Porto.

“Se você pegar 10 ou 15 nomes no mercado todos querem. Talvez tenha de usar a criatividade. Alguém que está no mercado, tem interesse de voltar ao Brasil e está jogando frequentemente. Precisa ter saúde para voltar e se adequar ao calendário. Muitas coisas são analisadas, não é só ir na feira e colocar no carrinho”, disse.

Alterado: Segunda, 07 Novembro 2016 11:00

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook