Wenger critica o prêmio de melhor jogador do mundo }

Wenger critica o prêmio de melhor jogador do mundo

por   em Notícias

Técnico do Arsenal afirma que o futebol é um jogo coletivo e que a premiação mexe com a cabeça dos jogadores

Destaque Wenger critica o prêmio de melhor jogador do mundo Wikimedia
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

Um dos técnicos mais influentes no mundo da bola, Arsène Wenger, fez duras críticas ao “Bola de Ouro”, prêmio concedido ao melhor jogador do mundo. Em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira, o técnico francês explicou porque acha o prêmio concedido pela revista francesa desnecessário.

“Sou contra (a Bola de Ouro) porque entra na cabeça dos jogadores. E vemos muitos jogadores pensarem neles próprios e não no time. O futebol é um esporte coletivo e temos que respeitar isso” disse.

E o treinador também cometeu uma gafe ao parabenizar o alemão Ozil, de forma equivocada, já que ele não está entre os 30 jogadores indicados pela publicação. Wenger também criticou os resultados, afirmando que o prêmio nem sempre dado ao melhor jogador.

“Parabenizo os jogadores que têm sucesso, mas, quando olhamos para a história, nem sempre achamos que foram as escolhas mais objetivas”.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook