Flamengo quer esconder orçamento para contratações em 2017 }

Flamengo quer esconder orçamento para contratações em 2017

por   em Notícias

O objetivo da diretoria é evitar que clubes e agentes aumentem a sua pedida por jogadores em negociações futuras

Destaque Flamengo quer esconder orçamento para contratações em 2017 Gilvan de Souza/Flamengo
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

Praticamente garantido na Copa Libertadores de 2017, o Flamengo já começa a pensar na montagem de elenco para o seu retorno à competição continental. Porém, a torcida rubro-negra não deve receber muitas informações sobre reforços, uma vez que a diretoria do clube tem como estratégia garantir as contratações de maneira silenciosa.

Desta forma, uma das possibilidades que estão sendo estudadas é tirar do orçamento, disponível em documento no site oficial do clube, a previsão de gastos para contratar no ano que vem. Os R$ 20 milhões previstos para 2016 acabaram sendo ultrapassados e a ideia é gastar bem menos no próximo ano.

O objetivo de trabalhar de maneira silenciosa é reflexo do que o Flamengo viu no mercado durante esta temporada. A diretoria rubro-negra ficou com a impressão de que clubes e agentes inflacionaram as pedidas ao conhecerem o valor que seria destinado a compras de atletas para o futebol. Neste contexto, o Fla acabou gastando R$ 35 milhões em contratações durante 2016, quase dobro do que havia sido previsto no orçamento.

Os reforços para 2017 devem ser pontuais. Paulo Victor não quer permanecer na reserva de Alex Muralha e deve ser negociado. Gatito Fernandez, do Figueirense, está nos planos, pois fica livre ao fim do contrato com os catarinenses. Outro nome que agrada é o de Elias, de 21 anos, titular do Juventude.

Chiquinho não terá o seu contrato renovado e, consequentemente, a diretoria terá que procurar um lateral-esquerdo para fazer sombra a Jorge. No meio-campo, toda a expectativa cai sobre uma possível permanência de Alan Patrick. A comissão técnica já deixou claro que quer a manutenção do jogador no elenco, mas o alto custo e a difícil negociação com o Shakthar Donetsk, da Ucrânia, deixam o clube com um pé atrás.

Para finalizar, o Flamengo ainda quer contratar um homem para atuar nos flancos do ataque. Vitinho, atualmente no Inter, mas vinculado ao CSKA, da Rússia, é o preferido. Outro jogador emprestado que pode permanecer é Fernandinho, no entanto, o clube da Gávea tem que entrar em acordo com o Grêmio e o atacante precisa aceitar uma redução salarial.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook