Copa Sul-Americana: Coritiba arranca empate no fim e decisão fica para Colômbia }

Copa Sul-Americana: Coritiba arranca empate no fim e decisão fica para Colômbia

por   em Notícias

Coxa sai atrás, mas consegue arrancar o empate no segundo tempo contra o Atlético Nacional, atual campeão da Libertadores

Destaque Copa Sul-Americana: Coritiba arranca empate no fim e decisão fica para Colômbia Reprodução
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

O Coritiba teve um grande desafio na noite desta quarta-feira: enfrentar o campeão da Copa Libertadores. No duelo contra o Atlético Nacional no Couto Pereira, o Coxa saiu atrás no placar, mas com determinação buscou o empate no fim do jogo que foi disputado. 

O jogo

Diante de um grande público, o Coritiba tentou começar o jogo com tudo. Mas, como era esperado, o experiente time do Atlético Nacional tentou esfriar a atmosfera da torcida coxa-branca. Com muito toque de bola e demora nas cobranças de falta e laterais, aos poucos os colombianos controlaram o início de jogo.

Aos 14 minutos, com grande infiltração de Guerra pelo meio da defesa coxa-branca, a bola chegou limpa para Borja. O artilheiro mostrou seu faro de gol e com muita tranquilidade tocou na saída do goleiro Wilson, abrindo o marcador. O gol não abateu o time paranaense. Empurrado pela torcida alviverde, o Coritiba foi para cima e passou a assustar o adversário. Aos 24, Leandro fez grande jogada individual pela esquerda e rolou para Juan. Ele dominou de frente para o gol, mas pegou mal na bola, mandando para fora.

Aos 29, Kazim arrancou em velocidade pela intermediária e foi derrubado por trás por Bocanegra. O lateral direito colombiano já tinha cartão amarelo, recebeu o segundo e acabou expulso pela arbitragem, deixando a equipe colombiana com 10 em campo. Tentando o gol de empate, o Coritiba buscava as jogadas pelo lado de campo. Precisos nos contra-ataques, os colombianos levaram muito perigo com Borja, em duas oportunidades: na primeira, a bola tocou na rede pelo lado de fora; na segunda, Wilson salvou com o pé e, na sequência, Nery apareceu e tirou da área.

O Coxa conseguiu mais um lance de perigo no fim da primeira etapa. Leandro recebeu de Benítez, invadiu a área e bateu cruzado. O goleiro Armani se esticou todo e conseguiu fazer a defesa, evitando o gol de empate do Coritiba antes do intervalo.

Na segunda etapa, o Coxa voltou com o mesmo ímpeto que terminou o primeiro tempo. Logo aos dois minutos, Leandro ganhou a disputa com o goleiro Armani. O arqueiro tocou com a mão fora da área e o árbitro assinalou a falta. Juan cobrou pela direita e Nery quase fez de cabeça. Aos nove minutos, a torcida coxa-branca comemorou. Benitez cruzou da direita e Kazim mandou para as redes. Mas o camisa dez do Verdão estava em posição irregular, assinalada corretamente pela arbitragem.

A pressão alviverde seguiu crescendo. Aos 21, Juan cobrou escanteio do lado esquerdo, Juninho subiu mais alto que toda a defesa, a bola passou muito perto do gol defendido por Armani e não entrou.

Mesmo com o passar dos minutos, a torcida do Coxa não parou nas arquibancadas e o time não se entregou em campo. E toda raça e vontade coritibana foi premiada aos 40 minutos da etapa complementar. Kazim rolou para Iago e, da entrada da área, o camisa sete soltou uma bomba, no ângulo, marcando um lindo gol empatando a partida no fim do jogo. 

Assim como na fase anterior, agora o Coritiba terá de buscar fora de casa a classificação para a semifinal da Copa Sul-Americana. O duelo de volta será disputado no estádio Atanasio Girardot, em Medellín, na próxima quarta-feira, às 21h45. O Coxa precisa de uma vitória simples para ficar com a vaga. No entanto, o empate sem gols é dos colombianos, e o resultado igual ao do Couto Pereira leva a decisão para os pênaltis.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook