CBF confirma mais duas vagas para o Brasil na Libertadores }

CBF confirma mais duas vagas para o Brasil na Libertadores

por   em Notícias

Com a mudança confirmada pela Conmebol neste domingo (2), o Campeonato Brasileiro deste ano passará a ter um G-6

Destaque CBF confirma mais duas vagas para o Brasil na Libertadores Divulgação/Conmebol
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

O Brasil passará a ter sete representantes na Copa Libertadores da América a partir de 2017. A notícia foi confirmada pela CBF após reunião da Conmebol neste domingo em Bogotá (Colômbia). Sendo assim, o Campeonato Brasileiro deste ano classificará seis times para a principal competição continental, a outra vaga será do campeão da Copa do Brasil.

“O Brasil terá mais duas vagas na Copa Libertadores da América. As duas novas vagas no Brasileirão. Confirmação veio na reunião de hoje, em Bogotá. Futebol Brasileiro fica com 7 vagas na Libertadores: 6 no Brasileirão e 1 na Copa do Brasil”, anunciou a CBF, via Twitter.

Caso o Brasileirão terminasse hoje, os beneficiados pela decisão da Conmebol seriam Fluminense e Atlético-PR, atuais quinto e sexto colocados na tabela. Com a mudança, Corinthians, Botafogo, Grêmio, Ponte Preta e Chapecoense também ganham fôlego na disputa por uma vaga na Libertadores 2017.

Chile, Colômbia e Argentina também ganharam vagas na competição, no entanto, diferentemente do Brasil, só ficaram com um posto a mais. O campeão da Copa Sul-Americana também se classificará diretamente para a fase de grupos da Libertadores.

Com a entrada de mais cinco equipes na disputa, a próxima edição do torneio vai acontecer entre fevereiro e novembro do ano que vem, passando das atuais 27 para 42 semanas. Outra possível mudança, que levantava a possibilidade de a final passar a ser disputada em jogo único, não foi confirmada.

“Está se estudando, existe a possibilidade de final única, mas ainda estamos estudando. A Conmebol quer fazer uma final com a maior visibilidade possível e que traga os maiores recursos aos clubes”, disse ao Sportv Reinaldo Carneiro Bastos, representante do Brasil no Comitê Executivo da Conmebol.

Por conta das mudanças há a possibilidade de os times mexicanos serem excluídos da disputa. Isto porque o novo formato da Libertadores inviabilizaria a participação deles por conta das diferenças com o calendário do futebol local.

Alterado: Terça, 04 Outubro 2016 02:06

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook