Wenger evita nova polêmica e diz que não irá ler novo livro de Mourinho }

Wenger evita nova polêmica e diz que não irá ler novo livro de Mourinho

por   em Notícias

Em seu novo livro, Mourinho teria dito que caso encontrasse Wenger na rua iria "quebrar a sua cara"; Técnico francês foge de polêmica

Destaque Wenger evita nova polêmica e diz que não irá ler novo livro de Mourinho Wikimedia
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

José Mourinho e Arsène Wenger estão longe de serem grandes amigos. Dentro do campo, o duelo entre os treinadores será apenas em novembro, mas fora das quatro linhas, o embate já começou a esquentar.

Nesta sexta-feira, o treinador francês do Arsenal que não estará entre os leitores do novo livro do seu rival português.

“Não li e certamente não lerei. Não posso comentar sobre isso” declarou Wenger.

Evitando novas confusões, o técnico do Arsenal pediu para prosseguir a coletiva e disse estar focado apenas no próximo jogo do seu time, contra o Chelsea.

“Eu falo sobre futebol e isso é tudo o que eu faço. Sou uma pessoa construtiva e não destrutiva. Não posso comentar sobre o livro porque estou focado no jogo de amanhã e na forma como vamos jogar” disse o treinador dos Gunners.

As poucas palavras sobre o tema evitaram novos capítulos desta polêmica inimizade entre ambos os técnicos. Porém, Wenger não deve ter gostado de saber sobre o trecho escrito por Rob Beasley, autor do livro, que assegurou o desejo de Mourinho de 'quebrar a cara' do rival.

“Um dia vou encontrá-lo (Arsène Wenger) fora do futebol e vou quebrar sua cara” revelou o livro.

O Arsenal volta a campo para receber o Chelsea neste sábado, pela oitava rodada do Campeonato Inglês.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook