Cinco motivos que explicam a má fase do Inter no Brasileirão }

Cinco motivos que explicam a má fase do Inter no Brasileirão

por   em Notícias

O time colorado é conquistou apenas 27 pontos em 26 rodadas do campeonato e tem apenas uma vitória nos últimos 18 jogos

Destaque Cinco motivos que explicam a má fase do Inter no Brasileirão Ricardo Duarte/SC Internacional
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

O Inter é o atual 18º colocado no Campeonato Brasileiro, com apenas 27 pontos conquistados em 26 rodadas disputadas. Nos últimos 18 jogos, o time colorado conquistou apenas uma vitória. O momento no Beira-Rio é de extrema desconfiança da torcida, de apatia entre os jogadores e de preocupação da diretoria.

Sem mostrar nenhum indício de que as coisas vão melhorar, o Inter já começa a fazer as contas de quantos pontos precisará fazer nas últimas doze rodadas para conseguir escapar da zona de rebaixamento.

Assim, OChute resolveu listar os cinco motivos que explicam a atual situação da equipe colorada no Brasileirão 2016.

Desempenho em casa

Decisivo para as equipes que pretender galgar postos mais altos na classificação do Campeonato Brasileiro, o desempenho dentro de casa não está sendo bom. O Inter venceu apenas cinco das 13 partidas que disputou no Beira-Rio. A campanha como mandante já é a pior do clube na história do Brasileirão. Este ano, o Colorado só é melhor neste quesito que Cruzeiro e América-MG.

Aproveitamento dos pontos na reta final

Atualmente com 27 pontos, o Inter precisa de mais 18 para chegar ao número que garante a sua permanência na Série A do Brasileirão. Faltando 12 jogos para o final do campeonato, o time de Celso Roth precisa conquistar 50% dos pontos que ainda irá disputar.

Uma vitória nos últimos 18 jogos

Depois de ficar 14 partidas sem vencer, o Inter conseguiu quebrar a sequência diante do Santos, no Beira-Rio. No entanto, desde então a equipe colorada não triunfou mais. Sendo assim, os gaúchos conquistaram apenas uma vitória nos últimos 18 jogos, com cinco empates e 12 derrotas no período. Aproveitamento de apenas 15% dos pontos disputados.

Celso Roth

Terceiro técnico do Inter no ano, Celso Roth chegou juntamente com o vice-presidente Fernando Carvalho, mas acabou piorando o rendimento do time. Em 42 dias de trabalho, conquistou duas vitórias, dois empates e quatro derrotas, contando também a Copa do Brasil. Apesar do índice de aproveitamento baixo, 33%, a diretoria assegura o profissional no cargo.

Ataque em má fase

Com apenas 26 gols marcados no Brasileirão deste ano, o Inter tem média de um gol por partida. O ataque do time é o quarto pior do nacional, ficando à frente de América-MG (18), Atlético-PR (24) e Figueirense (24). A falta de bola na rede explica o motivo pelo qual o Colorado venceu apenas sete vezes no certame.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook