Cuca promete conversar com Gabriel Jesus sobre cartão bobo }

Cuca promete conversar com Gabriel Jesus sobre cartão bobo

por   em Notícias

O atacante o Palmeiras levou seu terceiro amarelo na partida contra o Flamengo e será desfalque no clássico contra o Corinthians

Destaque Cuca promete conversar com Gabriel Jesus sobre cartão bobo Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

Em coletiva de imprensa logo após o empate entre Palmeiras e Flamengo, em 1 a 1, na noite de quarta-feira, no Allianz Parque, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico Cuca prometeu ter uma conversa com Gabriel Jesus sobre o cartão amarelo que levou por reclamação. O artilheiro do Verdão não poderá atuar no clássico com o Corinthians para cumprir suspensão automática.

"Tem que conversar, não pode tomar o terceiro cartão, poderíamos ter tomado esse cartão contra o Grêmio. Tem que se acostumar que ele como atacante vai apanhar, tem que saber sair dessas situações sem ser prejudicado ou prejudicando o clube dele, que é tomar muitos cartões", disse Cuca.

A advertência foi recebida por Gabriel na metade do segundo tempo da partida, após muita reclamação por um lance que nem o envolvia. Porém, aos 37 minutos, o garoto fez o gol de empate do Palmeiras e teve a sua redenção.

"Ele não foi para o jogo no sacrifício, pois se não fosse a condição ideal a gente não colocaria ele. Uma dorzinha ou outra, todo mundo tem, se é suportável você joga, como ele jogou e não teve consequência", analisou Cuca.

"Essas coisas eu nunca vou estar soberano. Sempre vou ser julgado em cima de ele jogar bem ou não, machucar ou não, futebol tem que correr riscos. Qualquer jogador sente dor pelo tanto que treina e tem contato, mas cabe a nós profissionais avaliar se essa dor é importante e pode ser agravada, o que não era o caso dele. Hoje ele foi o autor do gol, perdeu outras oportunidades antes, mas de maneira geral foi um jogo difícil em que não perdemos a liderança. Mesmo desorganizados e não tendo muita criatividade nós poderíamos ter vencido tranquilamente", continuou Cuca.

Cuca ainda afirmou que não ficou totalmente satisfeito com o resultado conquistado por sua equipe.

"Fazendo uma análise geral, nós começamos muito devagar, diferentemente do que geralmente iniciamos os jogos. Fomos passivos, esperando as coisas acontecerem, o Flamengo começou melhor e depois demos uma equilibrada no jogo. Senti uma equipe muito nervosa, sem a calma para criar uma jogada, e o principal que faltou foi isso", disse Cuca.

"Ainda para piorar, depois que ficamos com um jogador a mais, nós tomamos um gol. Ainda não conversei com os jogadores, mas imagino que não viram o jogador do Flamengo entrar", acrescentou o treinador palmeirense, sobre o gol de Alan Patrick, aos 16 do segundo tempo.

O Palmeiras volta a campo no sábado (17), às 16h, contra o Corinthians, em Itaquera.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook