Invasora tem dados divulgados e recebe ameaças de gremistas }

Invasora tem dados divulgados e recebe ameaças de gremistas

por   em Notícias

Danny Morais, a Miss Bumbum de Santa Catarina, teve seu RG e CPF expostos na súmula da partida entre Grêmio e Palmeiras, na Arena

Destaque Invasora tem dados divulgados e recebe ameaças de gremistas Divulgação
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

Sensação da partida entre Grêmio e Palmeiras que terminou empatada em 0 a 0, no último domingo (11), pelas 24ª rodada do Campeonato Brasileiro, Danny Morais, a "Miss Bumbum" de Santa Catarina, esperou o apito final do árbitro para invadir o gramado da arena tricolor e abraçar o atacante Guilherme. Atitude que pode trazer grandes problemas tanto para ela, quanto para o clube gaúcho.

Apesar de ter sido retirada do campo de jogo imediatamente pelos seguranças do estádio e um Boletim de Ocorrência ter sido registrado imediatamente, o time de Porto Alegre deve ser denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva e pode receber multa entre R$ 100 e R$ 100 mil.

Danny, por sua vez, teve seu nome (Eridiane Morais Jeremias) e seus documentos pessoais (CPF e RG) relatados na súmula oficial da partida. Luís Fernando Cardoso de Ramos, um dos seguranças, também teve suas informações colocadas.

"Não sei como isso foi permitido. Vou ver isso para tirar minhas informações da internet. Tenho recebido ameaças de torcedores que dizem que vão me pegar se acontecer algo com o Grêmio. Também colocaram meu telefone pessoal (Não inserido na súmula da CBF). Vou ver o que posso fazer para tirar isso", reclamou a modelo ao site da ESPN.

Os órgãos públicos não aconselham a divulgação de dados pessoais, o que é considerado um risco, pois golpes e fraudes podem ser originados de tal fato. Com um CPF roubado é possível emitir um cartão de crédito, fazer compras e até a abrir uma conta corrente em um banco, por exemplo.

Sobre ter entrado no campo, a Danny afirmou que era um sonho antigo. "Nunca tinha ido em um jogo e sempre quis ver os jogadores de perto. Meu sonho era pular, mas não ia fazer isso durante o jogo para não prejudicar o clube. Esperei acabar para pular e sair correndo", seguiu a modelo, que admitiu que tentou ir atrás do atacante Luan.

"Depois disso, os seguranças me retiraram. Fiquei com medo e nervosa. Entendo a revolta dos torcedores, que estão com medo do clube ser punido, mas torço para que não aconteça nada", comentou ela, que foi punida por 10 jogos sem poder assistir jogos do Grêmio no estádio.

"Vou ter que comparecer à Delegacia durante os próximos dez jogos por um acordo que foi feito para ter certeza de que não vou invadir de novo", completou Danny.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook