Missão quase impossível para o Flamengo }

Missão quase impossível para o Flamengo

por   em Editorial

A seis rodadas do fim do Brasileirão, clube carioca precisa de sequência de vitórias e ainda torcer por tropeços palmeirenses para continuar sonhando com o hepta

Destaque Torcida flamenguista no Maracanã Divulgação / Flamengo Torcida flamenguista no Maracanã
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

Depois do empate do Flamengo com o Corinthians e da vitória palmeirense sobre o Sport, a distância entre os dois primeiros colocados do Brasileirão é de seis pontos (67 a 61). Faltando seis rodadas para o encerramento da competição, os cariocas vivem momento delicado e precisam de uma sequência de vitórias para continuar sonhando com o título. Outro candidato, o Atlético-MG já aparece próximo ao Fla, com 59 pontos.

Os resultados recentes dos rubro-negros, que além do empate com o Timão perderam para o Internacional, deixam o "cheirinho de hepta" muito mais longe de ser alcançado, numa missão quase impossível.

Além da série positiva, para chegar ao heptacampeonato o Flamengo ainda precisa torcer por pelo menos duas derrotas e um empate do Palmeiras. Os rubro-negros reconhecem a dificuldade da situação.

"Acima de tudo temos que acreditar. Deixamos de conquistar os três pontos, mas isso não nos fará baixar a guarda. Ficou mais difícil, mas não impossível. As chances matemáticas são claras e devemos nos concentrar em nossos jogos. Não temos que esperar os resultados dos concorrentes. É o momento de vencer", disse o meia Diego.

A difícil missão flamenguista começa justamente contra o Atlético-MG, no próximo sábado, no Independência. Caso seja derrotado, o time carioca será ultrapassado na tabela pelos mineiros.

"Sabemos do que precisamos, mas não adianta pensar em conquistar seis vitórias. Óbvio que isso é possível, mas é momento de só pensar no Atlético-MG. Será uma partida muito complicada. Vamos corrigir os nossos erros, pois não temos mais tempo para falhas", completou Diego.

Depois do Atlético-MG, o Flamengo ainda enfrenta Botafogo (Maracanã), América-MG (Independência), Coritiba (Maracanã), Santos (Maracanã) e Atlético-PR (Arena da Baixada). É a hora da verdade para o Rubro-negro no Brasileirão.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook