O balanço geral após o fim da janela de transferência europeia }

O balanço geral após o fim da janela de transferência europeia

por   em Editorial

Corinthians e São Paulo sofrem importantes baixas, enquanto seus principais rivais conseguem segurar seus principais jogadores

Destaque O balanço geral após o fim da janela de transferência europeia Wikimedia
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

A janela de transferência europeia está encerrada! Agora, os clubes brasileiros respiram aliviados e alguns lamentam por perderem grandes peças da suas equipes.

Os mais afetados com o furacão da janela vão juntando as peças que sobraram e agradecendo por não poder perder mais nenhum jogador para o futebol estrangeiro até o final do ano.

No entanto, com perdas significativas alguns clubes poderão ter que rever os seus objetivos traçados no início da temporada e rapidamente remontar e organizar a equipe para os últimos três meses da temporada brasileira.

Das equipes consideradas favoritas ao título no inicio do Campeonato Brasileiro, apenas duas sofreram grandes baixas: Corinthians e São Paulo.

Campeão Brasileiro de 2015, o alvinegro paulista foi praticamente todo desmontando ao longo desta temporada, sobrando apenas três titulares campeões no ano passado: Cássio, Fagner e Uendel.

E não foram apenas os titulares que deixaram o clube. Alguns dos jogadores reservas na última temporada também resolveram seguir um novo caminho como por exemplo, o lateral Edilson (hoje no Grêmio), Luciano (fechou com o Leganés da Espanha) e Bruno Henrique que virou titular nesta temporada (fechou com o Torino). Felipe, Pato, André, Elias e até o técnico Tite também deixaram o clube nos últimos meses, desfalcando a equipe titular alvinegra.

Com tantas baixas e sem reforços de qualidade para recompor o elenco, o Corinthians que era tratado como um dos favoritos ao título hoje corre sério risco de ficar fora até do G4.

Já o São Paulo sofreu problemas parecidos. Perdeu o treinador Edgardo Bauza para a seleção argentina e viu os seus principais jogadores se transferirem após a eliminação nas semifinais da Copa Libertadores.

Ganso fechou com o Sevilla e Calleri que estava emprestado até o meio do ano foi para o futebol Inglês defender o West Ham. O time também perdeu Alan Kardec para o futebol chinês e o atacante Rogério que fechou com o Sport, além de Centurión que fechou com o Boca Juniors.

Ainda instável no campeonato, o São Paulo tenta se reestruturar para brigar pelas primeiras posições. Ricardo Gomes foi contratado e terá a missão de recolocar o tricolor paulista nos trilhos. Para isso, o treinado conta com alguns reforços como Cueva, Chávez, Gilberto, Marquinhos e Douglas para reformular o tricolor do Morumbi.

Líder do campeonato, o Palmeiras fez o dever de casa e não perdeu nenhuma peça importante. O único negociado foi Gabriel Jesus que fechou com o Manchester City. No entanto, permanecerá no clube até o final do ano e só depois rumará aos citizens.

Vice-líder, o Flamengo também não vendeu nenhum jogador e ainda trouxe importantes reforços para o time titular: Diego, Damião, Réver e Rafael Vaz já estão atuando e ajudaram o rubro negro carioca a assumir a segunda posição na tabela na última rodada.

Mais atrás, Grêmio, Santos e Atlético mineiro perderam um jogador cada, mas a saída destes jogadores não deverá ser problema para os times em seus objetivos. O time mineiro vendeu o lateral esquerdo campeão olímpico Douglas Santos para o Hamburgo, mas já havia se precavido e contratado Fábio Santos para suprir a ausência do jogador que era constantemente chamado para seleção.

O Santos também perdeu seu campeão olímpico Gabriel Barbosa, mas trabalhou com antecedência, contratando Copete e Vecchio que devem brigar pela a vaga deixada pela jovem promessa.

Faltam apenas mais três meses para o final do Campeonato Brasileiro e 16 rodadas a serem disputadas. Com um campeonato tão embolado no topo da tabela, as equipes que conseguiram segurar suas estrelas e manter um elenco com boas peças de reposição levará grande vantagem na reta final da temporada.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook