Merecedor, Tite estreia no comando da Seleção Brasileira }

Merecedor, Tite estreia no comando da Seleção Brasileira

por   em Editorial

Com uma carreira de 26 anos e um currículo invejável, nenhum técnico do país seria uma alternativa melhor do que o ídolo do Corinthians

Destaque Merecedor, Tite estreia no comando da Seleção Brasileira Lucas Figueiredo/CBF
Gostou: avalie
(0 votos)
Publicidade

O dia em que Tite finalmente faz a sua estreia como o treinador da Seleção Brasileira chegou. O confronto diante do Equador, no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito, às 18h, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, vai marcar o início do trabalho de um técnico que chegou atrasado ao cargo que já deveria ter ocupado há dois anos.

Logo após o desastre do Mundial de 2014 e a consequente despedida de Luiz Felipe Scolari, Tite era o nome mais cotado a assumir o cargo. Campeão Brasileiro, da Libertadores e do Mundial, com o Corinthians, o treinador se preparou para o início do trabalho e tinha convicção que o momento era seu.

Ele tinha tanta certeza que iria ser chamado para dirigir o time canarinho que, ao deixar o Timão, já no final de 2013, foi viajar, acompanhar o que estava acontecendo fora do país e esperou a ligação da CBF. Acontece que os dirigentes da entidade tinham uma ideia diferente e não enxergaram o óbvio.

Depois do ‘7 a 1’, resolveram rever a relação com Dunga, técnico do ciclo da Copa de 2010. Eles tentaram recuperar o prestígio brasileiro apostando no retorno de um treinador que, apesar de ter conquistado uma Copa América e uma Copa das Confederações, não havia provado que merecia outra chance à frente da Seleção. Após o Mundial de 2010, ele só trabalhou no Inter e não conseguiu terminar nem a temporada de 2013.

O currículo de Tite já fala por si só.

Dois Campeonatos Brasileiros (2011 e 2015), uma Libertadores (2012), um Mundial de Clubes (2012), uma Copa do Brasil (2001), uma Copa Sul-Americana (2008) e quatro Estaduais (2000, 2001, 2009 e 2013).

É uma carreira de 26 anos, na qual o treinador passou pelos maiores clubes brasileiros e venceu todos os campeonatos mais importantes que disputou.

E mesmo após 26 anos de trabalho, Tite está vivendo uma época de sua vida em que tudo está acontecendo pela primeira vez: primeira coletiva como técnico da Seleção, primeira convocação, primeiro treinamento, primeira escalação.

Tudo culmina no dia 1º de setembro de 2016, o dia do primeiro jogo de Tite como técnico da Seleção Brasileira de futebol.

"Feliz, gratificado, ansioso. Eu sou um ser humano e isso é uma etapa profissional que eu sempre sonhei", resumiu o treinador ao falar sobre o momento.

Entre ou criar uma conta

fb iconAcesse com Facebook